Artemis - Branca

Como a velocidade do site afeta as taxas de conversão

Conteúdos

A otimização de um site é um fator fundamental para o sucesso de qualquer estratégia de marketing online. A performance do site desempenha um papel crucial na taxa de conversão, que mede a eficácia de um site em transformar visitantes em clientes.

Neste artigo, discutiremos a relação entre a performance do site e as taxas de conversão. Vamos explorar a importância, o tempo de carregamento, o impacto da velocidade na taxa de conversão, e outros fatores que podem afetar a transformação de visitantes em clientes.

O que é a taxa de conversão de uma página web

A taxa de conversão é uma métrica crucial no marketing. Ela mede a proporção de visitantes de um site que executam uma ação desejada, como fazer uma compra, preencher um formulário ou assinar uma newsletter.

A taxa de conversão é expressa como uma porcentagem e é calculada da seguinte forma:

Por exemplo, se um site teve 5000 visitantes e 100 deles fizeram uma compra, a taxa de conversão seria de 2%. Uma alta taxa de conversão é um indicativo de que o site está desempenhando bem em direção aos seus objetivos, seja vendas, geração de leads, ou qualquer outra ação desejada.

Uma taxa de conversão alta ou baixa é uma medida relativa, pois depende do produto, mercado e inúmeros outros fatores. Dessa forma, o ideal é medir de cada página e comparar com outra versão da mesma página. Só assim o indicativo será real.

O que é o tempo de carregamento do site

O tempo de carregamento refere-se ao tempo que um site leva para ser completamente carregado em um navegador. Ele é influenciado por diversos fatores, incluindo o tamanho dos arquivos, a complexidade do design, a hospedagem do site e a eficiência do código. Um site com um tempo de carregamento rápido é percebido como mais eficiente e agradável pelos visitantes.

Atualmente boa parte dos usuários acessam os sites por meio do celular, onde nem sempre a velocidade da internet é alta, isso faz com que sites lentos sejam abandonados pelos usuários que não tem uma boa experiência de carregamento.

Existem ferramentas muito úteis para medir a velocidade de um site. A que utilizamos é o PageSpeed Insights, pois entrega um relatório de performance real no celular e outro no computador, permitindo uma otimização específica para cada versão.

Veja também: Como testar a velocidade de um site

O que é um bom tempo de carregamento de página

O tempo médio de carregamento da página varia de acordo com o tipo de conteúdo e a complexidade do site. Em geral, as pessoas esperam que um site carregue em poucos segundos.

De acordo com o Google, um bom tempo de carregamento para uma página é de cerca de 2-3 segundos. No entanto, esse número pode variar dependendo do público-alvo e do tipo de conteúdo.

Em um artigo, o Google diz que: “Nossa pesquisa mostra que 53% das visitas tendem a ser abandonadas se a página levar mais de três segundos para carregar”. e ainda: “Notamos que o carregamento das páginas sendo mais lento em comparação com as de outros sites fazem você perder receita.”

Sites mais complexos, como lojas online com muitas imagens e recursos interativos, podem ter tempos de carregamento um pouco mais longos, mas ainda assim devem ser otimizados para serem o mais rápidos possível.

O Google considera o tempo de carregamento como um fator de classificação em seus resultados de pesquisa. Isso significa que um site com um carregamento rápido tem mais chances de ser bem classificado nos resultados de pesquisa, o que pode levar a um aumento no tráfego orgânico.

Taxa de conversão versus tráfego na página

A relação entre a taxa de conversão e o tráfego na página é fundamental para entender como a performance do site afeta as taxas de conversão. A taxa é influenciada não apenas pelo desempenho do site, mas também pelo volume de tráfego que ele recebe.

Imagine um site com uma alta taxa de conversão, mas com um tráfego muito baixo. Mesmo que a taxa de conversão seja excelente, o número absoluto de conversões será limitado. Por outro lado, um site com um alto tráfego, mas uma baixa taxa de conversão, também terá um número limitado de conversões.

Para maximizar as conversões, é essencial equilibrar a otimização da taxa de conversão com o aumento do tráfego. O desempenho do site desempenha um papel crítico nesse equilíbrio, pois um site bem otimizado tem mais chances de converter visitantes em clientes, independentemente do volume de tráfego.

Atualmente muito tem se falado de otimizar o tráfego pago e orgânico, sempre buscando mais tráfego e menor custo por visita. Porém para sites que já possuem tráfego, otimizar a velocidade pode gerar mais resultados do que trabalhar as outras partes da estratégia.

Vale ressaltar que algumas páginas, mesmo com pouco tráfego, estão com a performance tão ruim que o problema precisa urgentemente de atenção.

Como a velocidade do site afeta as taxas de conversão

A velocidade do site tem um impacto direto nas taxas de conversão. Quando um site demora muito para carregar, os visitantes ficam impacientes e podem abandoná-lo antes de executar a ação desejada, como fazer uma compra ou preencher um formulário. Isso resulta em taxas de conversão mais baixas.

Separamos algumas pesquisas que analisam casos reais de taxa conversão:

  1. Os primeiros cinco segundos de tempo de carregamento da página têm o maior impacto nas taxas de conversão. (Portent, 2019)
  2. As taxas de conversão do site caem em média 4,42% a cada segundo adicional de tempo de carregamento (entre segundos 0-5). (Portent, 2019)
  3. A página da Web móvel leva em média 15,3 segundos para carregar. (Pesquisa Google, 2018)
  4. Quase 70% dos consumidores admitem que a velocidade da página afeta sua vontade de comprar de um varejista online. (Unbounce, 2019)
  5. De todas as pessoas pesquisadas, metade disse que estaria disposta a abrir mão da animação e do vídeo para tempos de carregamento mais rápidos. (Unbounce, 2019)
  6. As maiores taxas de conversão de comércio eletrônico ocorrem em páginas com tempos de carregamento entre 0-2 segundos. (Portent, 2019)
  7. As taxas de conversão do site caem em média 2,11% a cada segundo adicional de tempo de carregamento (entre segundos 0-9). (Portent, 2019)
  8. A contagem média ideal de solicitações — o número de partes individuais de conteúdo necessárias para exibir toda a página da Web — é inferior a 50. (Google, 2018)
  9. Ao comprimir imagens e texto, 25% das páginas podem economizar mais de 250KB e 10% podem economizar mais de 1MB (o que contribui para os tempos de carregamento da página). (Google, 2018)
  10. Hoje, mesmo que a maioria do tráfego da web ocorra em 4G em vez de 3G, a maioria dos sites móveis ainda são lentos e inchados devido a muitos elementos de página. (Google, 2018)

É importante notar que a velocidade do site é especialmente crucial em dispositivos móveis, onde a largura de banda e o poder de processamento podem ser limitados. Sites responsivos e otimizados para dispositivos móveis têm uma vantagem significativa quando se trata de taxas de conversão.

Tenha um site responsivo e otimizado. Entre em contato: Studio Artemis

Que outros fatores além da performance da página afetam a taxa de conversão?

Embora a performance da página, incluindo o tempo de carregamento, seja um fator importante que afeta as taxas de conversão, outros fatores também desempenham um papel significativo. Aqui estão alguns deles:

  1. Qualidade do conteúdo: O conteúdo do site deve ser relevante, informativo e envolvente. O conteúdo de baixa qualidade pode afastar os visitantes.
  2. Design e usabilidade: A navegação do site deve ser intuitiva, e o design deve ser atraente e responsivo. Um site confuso ou desorganizado pode afetar negativamente as taxas de conversão.
  3. Credibilidade e confiança: Os visitantes precisam confiar no site e na marca para realizar uma conversão. Isso envolve elementos como avaliações de clientes, certificados de segurança e informações de contato claras.
  4. Apelo emocional: O marketing emocional desempenha um papel importante na conversão. Mensagens e imagens que geram uma resposta emocional positiva podem aumentar as taxas de conversão.
  5. Testes e otimização contínua: A realização de testes A/B e a otimização constante são essenciais para melhorar as taxas de conversão ao longo do tempo.

Velocidade do site, SEO e taxa de conversão

Além de afetar diretamente as taxas de conversão, a velocidade do site também desempenha um papel no SEO (Search Engine Optimization). O Google e outros mecanismos de pesquisa levam em consideração a velocidade do site ao classificar páginas nos resultados de pesquisa. Sites mais rápidos têm uma vantagem no ranking, o que pode aumentar o tráfego orgânico.

Um site otimizado para SEO também pode contribuir indiretamente para uma taxa de conversão mais alta. A otimização de palavras-chave, a criação de conteúdo de qualidade e a melhoria da estrutura do site são práticas de SEO que podem atrair um público mais segmentado e interessado. Visitantes mais qualificados têm mais probabilidade de converter.

A performance do site desempenha um papel fundamental nas taxas de conversão. Um site rápido e bem otimizado não apenas proporciona uma experiência mais agradável aos visitantes, mas também melhora a classificação nos mecanismos de pesquisa, atrai um público mais qualificado e, em última análise, leva a taxas de conversão mais altas. Portanto, investir na otimização de desempenho do site é uma estratégia inteligente para qualquer negócio online.

Compartilhe esse conteúdo

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Email

Veja mais conteúdos

Criação de site

Como criar um site

No mundo digital de hoje, ter uma presença online sólida é essencial para qualquer negócio. Um dos pilares dessa presença é um site bem construído, que serve como um cartão

Leia mais »
Criação de site

Criação de site institucional

Nos dias de hoje, a presença digital é fundamental para empresas de todos os portes e segmentos. Entre os diversos tipos de sites, o institucional destaca-se como uma ferramenta essencial

Leia mais »

Fale conosco

Checklist gratuito

10 itens cruciais para acelerar seu site e multiplicar conversões